Uns momentos de sossego em Moscovo - O convento de Novodevichiy

O movimento constante em Moscovo é algo capaz de afectar os transeuntes mais susceptíveis! O movimento de pessoas no metro só é rivalizado pelo movimento de carros nas ruas, ou melhor, nas avenidas larguíssimas da cidade. As passagens subterrâneas abundam na mesma razão que os semáforos escasseiam. O trânsito não pára!
É por isto que soube muito bem fazer uma visita, apesar de breve, a um pequemo complexo religioso, fora do centro de Moscovo mas ainda dentro da cidade.
Nos séculos XVII e XVIII, era um mosteiro para mulheres e muito popular como destino para viúvas, irmãs e filhas de czares. Na verdade, a meia-irmã de Pedro, o Grande, foi por ele aqui enclausurada tendo alguns dos edifícios ainda a marca da sua passagem. Num deles, está instalado um museu muito interessante sobre a história do local.
Apesar da sua história conturbada, tal como a deste país, este lugar é, nos dias de hoje, um refúgio que nos permite gozar de uns breves momentos de paz e silêncio no seio desta capital buliciosa.

Etiquetas: